8.1 C
Sintra
Quarta-feira, Janeiro 26, 2022
Início Notícias Desporto Museu do Ciclismo Joaquim Agostinho abriu em dia dedicado ao ciclismo

Museu do Ciclismo Joaquim Agostinho abriu em dia dedicado ao ciclismo

Museu do Ciclismo Joaquim Agostinho abriu 5 de Agosto 2021 em Torres Vedras

PUB

O Museu do Ciclismo Joaquim Agostinho abriu na manhã desta quinta-feira, 5 de agosto. O novo espaço cultural encontra-se no Bairro Arenes, no edifício que chegou a albergar o antigo refeitório da Casa Hipólito. O dia ficou, ainda, marcado pela primeira etapa em linha da Volta a Portugal em Bicicleta, que teve início junto ao Museu.

“Somos um concelho de ciclismo e de ciclistas” afirmou a presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Laura Rodrigues. Sobre o local onde agora se encontra o Museu, a autarca sublinhou tratar-se de “uma escolha feliz”, recordando que “era na Casa Hipólito que trabalhava uma legião de operários, grandes apoiantes do ciclismo, como resultado das vitórias e da notoriedade trazida à época por torrienses como João Roque, Leonel Miranda e Joaquim Agostinho.”

Laura Rodrigues saudou a Volta a Portugal em Bicicleta e o seu regresso à cidade de Torres Vedras, destacando que esta edição da prova-rainha do ciclismo português conta com a participação de 18 equipas e 126 atletas.

O presidente do Conselho Consultivo do Museu do Ciclismo Joaquim Agostinho, Eduardo Marçal Grilo, destacou a importância deste dia, tendo em conta a “consagração do ciclismo como uma modalidade que merece um museu como este.” Nas palavras de Eduardo Marçal Grilo, Joaquim Agostinho “tem uma história que se confunde com a história do ciclismo português. Este museu vai, certamente, prestar essa sucessiva homenagem a um dos maiores atletas portugueses.”

As qualidades desportivas e humanas e o reconhecimento internacional de Joaquim Agostinho foram evocados pelo secretário de Estado da Juventude e do Desporto. “É fundamental e é um grande contributo que sai de Torres Vedras para o aumento da cultura desportiva no nosso país” sublinhou João Paulo Rebelo, que, à semelhança dos outros oradores destacou o contributo do falecido presidente da Câmara Municipal, Carlos Bernardes, para que este Museu se tornasse realidade.

Entre as várias personalidades que estiveram presentes, destaca-se a esposa de Joaquim Agostinho, Ana Agostinho, os antigos atletas Leonel Miranda, Artur Lopes e Cândido Barbosa, assim como o mecânico de Joaquim Agostinho, Francisco Araújo. O momento contou, ainda, com a presença do secretário de Estado Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Carlos Miguel, do presidente da Federação Portuguesa de Ciclismo, Delmino Pereira, e do diretor-geral da Volta a Portugal, Joaquim Gomes.

Às intervenções seguiram-se visitas guiadas ao Museu do Ciclismo Joaquim Agostinho, a que se sucedeu o arranque da primeira etapa da Volta a Portugal em Bicicleta. Recorde-se que o projeto do Museu começou a ser desenvolvido em 2013, tendo sido integralmente financiado pelo Município de Torres Vedras. Até ao final de agosto, o Museu do Ciclismo Joaquim Agostinho será de entrada gratuita.

https://mcjoaquimagostinho.pt/

- PUB -

EM DESTAQUE