20.5 C
Sintra
Segunda-feira, Junho 27, 2022
Início Notícias Ambiente Município do Cadaval põe em marcha plano de combate à lagarta-do-pinheiro

Município do Cadaval põe em marcha plano de combate à lagarta-do-pinheiro

Os pêlos da lagarta-do-pinheiro em contacto com a pele, mucosas e olhos podem gerar uma reação alérgica grave

PUB

No âmbito do Plano de Combate à Processionária do Pinheiro, a Câmara Municipal tem levado a cabo diversas ações de monitorização e controlo, colocando armadilhas para capturas das lagartas, em locais de maior risco, como espaços escolares, parques e jardins.

A processionária, ou lagarta-do-pinheiro, é um inseto desfolhador das resinosas. Tem o corpo dividido em pequenos segmentos, cada um dos quais com milhares de pelos urticantes, de coloração alaranjada, que se vão libertando e espalhando pelo ar, à medida que a lagarta se desloca, formando as designadas procissões.

São estes pelos que, em contacto com a pele, mucosas e olhos podem gerar uma reação alérgica grave. As crianças e os canídeos são os principais grupos de risco, pela curiosidade que lhes é intrínseca.

Apesar de tudo, as lagartas de processionária têm, tal como todos os seres vivos, um papel importante, uma vez que são fonte de alimento para inúmeras aves (chapins e poupas), morcegos, entre outros animais.

Sendo os pinheiros uma espécie abundante nos espaços escolares, parques e jardins públicos do Cadaval, é importante conhecer os riscos e saber como atuar perante esta praga, presente no Concelho nesta altura do ano.

Como tal, o controlo da praga está, sobretudo, a acontecer nas escolas e jardins-de-infância, áreas de jogos e recreio ou parques e jardins públicos, com elevada afluência de pessoas.

O que fazer, se encontrar lagartas do pinheiro?

Se as lagartas do pinheiro forem encontradas em área florestal (que não seja sua propriedade) mantenha-se afastado. Se as encontrar em espaços públicos de áreas urbanas, afaste-se e entre em contacto com o Gabinete Técnico Florestal da Câmara Municipal.

Nas escolas e outros locais onde estejam presentes crianças, impedir, sempre que possível, o seu acesso à zona das árvores atacadas, sobretudo na altura em que as lagartas descem da árvore.

Em caso de aparecimento de sintomas de alergia, contacte de imediato o centro de saúde local.

Se as lagartas forem encontradas na sua propriedade, deve tomar as medidas necessárias e recomendadas para controlar ou eliminar a presença do inseto, evitando a sua dispersão.

Em caso de dúvidas, contacte o Gabinete Técnico Florestal da Câmara do Municipal por mail (gtf@cm-cadaval.pt) ou pelo telefone 262 690 100.

- PUB -

EM DESTAQUE

Grupo Anti Contrafação no Instagram

O Grupo Anti Contrafação (GAC), que congrega as entidades com competência multidisciplinar no combate à contrafação, lança hoje uma conta no Instagram.

Metade dos fumadores pertence à Geração X

O estudo TGI da Marktest quantifica, na vaga global de 2021, em um milhão e 274 mil o número de indivíduos que...

LouresJazz’22

Nos dias 8, 9 e 10 de julho o Município de Loures vai acolher a segunda edição do festival LouresJazz, que terá lugar no...

Festas de São Pedro de Sintra 2022

Sintra vai estar em festa por altura dos festejos em honra de São Pedro de Penaferrim, padroeiro do município, de 23 de...